NOTÍCIAS

ACECA


Comentários online são decisivos na contratação de serviços

ÚLTIMAS

NOTÍCIAS

Durante o processo de busca, descoberta e decisão de produtos e serviços, os comentários online mostram-se como os principais artifícios recorridos para validar a qualidade e a escolha na contratação, principalmente de uma pequena ou média empresa. Na verdade, 1 em cada 2 confiam nos comentários da web tanto quanto recebidos pessoalmente.

Essa constatação foi observada durante uma pesquisa encomendada pelo Google, feita entre os dias 12 e 16 de junho deste ano pela Provokers, que ouviu 1025 homens e mulheres de 18 a 64 anos de todo o Brasil.

O estudo apontou que 77% das pessoas entrevistas leem comentários para decidir entre dois ou mais negócios. Para completar, 58% confia nas avaliações online tanto quanto que são recebidas pessoalmente.

"A gente já sabia que tinha uma relevância muito grande, mas pudemos mensurar. A pesquisa nos dá uma base muito importante, quantitativa, para poder confirmar esses números e afirmar a importância dos comentários", explica Fernanda Dória, gerente de Google Marketing Solution. 

Fora os comentários, aparecer descontos, promoções ou novidades envolvendo o nome da empresa também é fator estimulante na tomada de decisão, 75% consideram esse ponto importante. 

Além disso, está na lista de aspectos importantes o endereço do local (69%), o horário de funcionamento (64%), as fotos do lugar no sistema (59%), os métodos para pagamento (52%), se o site está disponível (41%) e se tem informações para contato (41%). 

Diante disso, as orientações do Google é manter todas os dados básicos sobre a empresa atualizadas no sistema. "E a gente vê cada vez mais, principalmente nesse último ano, que os donos de negócios têm se preocupado em garantir que as suas informações estejam atualizadas no site", completa Heloísa Campos, gerente de marketing do Google Meu Negócio.

Para agilizar a atualização, uma nova versão do aplicativo Google Meu Negócio foi lançada no último dia 14. Entre as novas funcionalidades está a possibilidade de acompanhar as visualizações em tempo real, de interagir com os clientes por meio de mensagens instantâneas e de criar o conteúdo em um só lugar.

Quem não tem o cadastro, basta só acessar g.co/meunegocio para colocar gratuitamente as informações no buscador. O preenchimento é rápido, demora apenas a verificação do perfil por caixa postal, que leva cerca de doze dias para chegar a correspondência com o código de autenticação da veracidade do negócio. Para quem já fez a inscrição e tem o aplicativo, basta apenas atualizar para a nova versão.

Fonte: Diário do Nordeste
Últimas Noticias
Projeto aprimora Lei de Improbidade Administrativa

Tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) projeto destinado a acelerar o processo de combate à improbidade administrativa. O texto do senador Flávio Arns (Rede-PR) modifica a Lei 8.429, de 1992,...

OIT pede avaliação do impactos da reforma trabalhista

A Comissão de Aplicação de Normas da Organização Internacional do Trabalho (OIT) pediu que o governo brasileiro avalie a necessidade de mudanças na Lei 13.467/2017, conhecida como reforma trabalhista. A comiss&atild...

Dados do IR mostram que super-ricos têm mais isenções e pagam men

Quanto maior a faixa de renda, maior é a parcela de rendimentos isentos, o que faz com que o topo da pirâmide pague uma alíquota efetiva menor. Faixa mais alta de renda paga, em média, 2% de IR, ao passo que faixas intermedi&aacut...